domingo, 26 de abril de 2015

Energia Hidro Elétrica e Termelétrica - Tarifas e Meio Ambiente- O que fazer ? Economizar é a solução !

Energia Hidro Elétrica : Gerada pelas Turbinas que se movimentam a partir de grandes quedas de água, como acontece, por exemplo,na Usina Binacional de Itaipu (divisa do Brasil com o Paraguai). É uma energia limpa e mais barata mas pode ter problemas se houver diminuição do volume de água que foi represada para esse fim.

Energia Termelétrica: Também chamada de "Térmica"; para produzi-la precisamos do calor resultante da queima de combustíveis ( Sólidos, Líquidos e Gasosos). Ex: Carvão Mineral,Óleo do Petróleo, Gás Natural, Nafta energético.
A queima de qualquer um desses produtos aumenta o Aquecimento Global e consequentemente o Efeito Estufa além da formação da Chuva Ácida por causa dos gases liberados na produção (SO2, CO2,CO,NO, NO2) . Ex: Ácido Sulfúrico (enxofre), Ácidos de Carbono e de Nitrogênio.
É um tipo de Energia de alto custo operacional.

Como o governo federal, através do ministério de Minas e Energia, determinou que se ligasse as Usinas Termelétricas para ajudar na demanda de uso de energia elétrica, só nos resta um caminho; economizar, se possível trocar as lâmpadas incandescentes por lâmpadas de LED ( que infelizmente ainda é muito cara) ou outros tipos de lâmpadas (eletrônicas) que diminuem o consumo com a mesma luminosidade. Diminuir o uso do ar condicionado, do ventilador, menos tempo no chuveiro elétrico, passar volumes grandes de roupa uma vez por semana , usar máquina de lavar roupas com capacidade máxima (Kg) indicada pelo fabricante e outras coisas que cada um deve fazer de acordo com o tipo de aparelho que usa em sua residência.

LED: sigla em inglês que quer dizer  Diodo Emissor de Luz.
Diodo Componente eletrônico de cristal semi condutor de Silício ou Germânio (coluna 4A da Tabela Periódica).

Sugestão : O governo federal deveria entrar em contato com os fabricantes de Lâmpadas LED e das econômicas (eletrônicas) para produzir mais e diminuir os preços; na contrapartida o governo cobraria um IPI menor das indústrias e os estados um ICMS menor também.

AUMENTO NA TARIFA - CRIAÇÃO DA BANDEIRA VERDE E VERMELHA-

Infelizmente ,em 1 ano, de Março de 2014 a Março de 2015, para quem gasta entre 200 a 299 KWh, o aumento na tarifa foi maior que  60%, além de pagarmos também a cada 100 KWh (R$6,79)na conta de Abril (total R$13,48); na conta de Março a bandeira vermelha para consumo entre 200 e 299 KWh foi de R$9,47 no total e em Janeiro de 2015 foi de R$4,11 no total. Só na bandeira vermelha o aumento de R$4,11 para R$13,48 ( Janeiro a Abril) ,representou um aumento de 228%. Na bandeira verde (Janeiro a Abril de 2015), o aumento foi de 18,5% para consumo entre 200  e 299 KWh.  Cada consumidor deve verificar na sua conta de luz o quanto foi cobrado em cada bandeira, de acordo com o seu gasto mensal em KWh.

Importante : Diminuindo o uso das termelétricas , o governo pode e deve reduzir as tarifas; a maioria da classe trabalhadora teve uma reposição anual de até 8% nos seus salários e os aposentados perto de 6%. Não como da vez anterior,  diminuindo a tarifa por alguns meses antes das eleições, por pressão do presidente da FIESP e candidato ao governo de SP. 
Postar um comentário