segunda-feira, 15 de junho de 2015

Alimentos e Agrotóxicos - Dicas de "O Globo- Rio"

Como evitar ou diminuir a ingestão dos agrotóxicos.


Copiei e Colei de "O Globo" (arte); Fonte: Ministério Público do Rio de Janeiro/ Instituto Estadual do Ambiente ( INEA); para leitura dos cuidados que devemos ter ao consumir alimentos que contém agrotóxicos (muitas pessoas não tem acesso ao jornal escrito). Se houver possibilidade procure consumir os alimentos orgânicos certificados ( Produtores não usam agrotóxicos e os custos de produção são mais caros , o que encarece o produto final). Se houver apoio dos governos municipais e maior produção, os preços dos produtos diminuirão e nosso organismo agradecerá. Muitas doenças (alergias, cânceres) diminuirão, segundo estudos dos especialistas.

Os alimentos que mais contêm agrotóxicos geralmente possuem um ciclo de maturação mais longo, recebendo mais pulverizações, como o tomate e o pimentão. Para estas culturas, o consumidor deve ter um cuidado redobrado antes de comer.

GRAUS DE CONTAMINAÇÃO DE FRUTAS E HORTALIÇAS

DICAS PARA EVITAR OU DIMINUIR A INGESTÃO DE AGROTÓXICOS
  • 1. Dê preferência a frutas e verduras da época. Fora da estação adequada, é quase certo que a fruta, verdura ou legume tenha recebido cargas maiores de agrotóxicos. É por isso que, quando você não encontra tomate, cebola ou outros produtos na feira orgânica, é porque não está na época deles. Escolha outro alimento que os substitua em termos nutricionais.
  • 2. Procure sempre descascar as frutasOs resíduos de agrotóxicos concentram-se especialmente nas cascas das frutas. Nesse caso, é importante descascá-las, principalmente os pêssegos e maçãs.
  • 3. Lave bem as frutas e verdurasUse água corrente durante pelo menos um minuto, limpando sua superfície. Ou coloque-as numa solução de água (1 litro) com um pouco de vinagre (4 colheres de sopa), durante 20 minutos. Mas atenção: como a atuação da maior parte dos agrotóxicos é sistêmica (quando aplicado às plantas, circulam através da seiva e por todos os tecidos), descascar e lavar as frutas não garante a eliminação total dos resíduos, somente sua diminuição.
  • 4. Retire as folhas externas das verdurasEm geral, ali se concentram mais agrotóxicos. Com sua retirada, a carga mais pesada é eliminada.
  • 5. Diversifique nas hortaliças e frutasAlém de propiciar boa mistura de nutrientes, reduz a chance de exposição ao mesmo agrotóxico usado pelo agricultor.
  • 6. Dê preferência aos produtos nacionais e de sua região. Alimentos que percorrem longas distâncias, normalmente, são pulverizados depois da colheita e possuem um nível maior de contaminação.
CRÉDITOS: ARTE O GLOBO | FONTE: MINISTÉRIO PÚBLICO DO RJ / INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE (INEA)

Pensamento: 

Vida é uma sobressalente de energia que acompanha a matéria; quando ela cessa a pessoa morre, mas a essência boa ou ruim fica.
Prof. Alcínio





Postar um comentário